Pedro Rocha: “El Verdugo”, eterno líder do futebol mundial

Foto hosteada por Régis Romualdo

Pedro Rocha, jogador aguerrido, gênio indomável dentro das quatro linhas.

Iniciou sua carreira no Peñarol da cidade de Salto, cidade que fica na fronteira entre Uruguai e Argentina…parece que ele se aproveitou e pegou o espírito e a raça uruguaia e somou com o sangue frio argentino.

Seus chutes eram tão bons, que ele acabou sendo mandado pro Peñarol de Montevidéu, e lá virou rei. E foi no comando dos “carboneros” (apelido da equipe) que ele conquistou somente sete campeonatos uruguaios (que eram bem disputados na época, pois o time do Nacional também era muito bom), uma Libertadores (com direito ao gol que sacramentou o título, contra o River Plate, na prorrogação do tempo extra) e um Mundial Interclubes, com direito a duas vitórias sobre o Real Madrid, por 2 a 0, aonde ele anotou o primeiro gol do jogo de volta.

Já havia participado de duas Copas (1966, na Inglaterra, e 1970 no México, aonde não atuou na semifinal contra o Brasil de Pelé, Jairzinho, Tostão e cia.), quando em 1971 após muita insitência ele chegou na equipe do São Paulo.

Demorou para ser o “dono” do time – havia somente Tostão na meia-canja tricolor. Ele manteve sua calma, e esperou Tostão sair, para que pudesse enfim jogar. Jogar não; Comandar o São Paulo.

Já em 1972, ele mostrou a que veio: Artilheiro do Brasileirão, empatado com Dadá Maravilha, com 17 gols. Primeiro estrangeiro a ser artilheiro do Brasil.

A única tristeza na carreira de Pedro Rocha dentro do São Paulo foi a de não ter ganho uma Libertadores. Chegou numa final em 1974, mas o Indepiendiente de Avellaneda era muito forte, e mesmo tendo recebido diversas infiltrações, pois a tua perna estava machucada (espírito típico de uruguaio, que não gosta de desistir, não é?), ele ainda assim atuou no gelado Estádio Olímpico de Santiago, mas o Tricolor perdeu por 2 a 1, para os argentinos.

Saiu em 1977, quando passou por Coritiba e terminou sua carreira no Palmeiras. Pedro Rocha era apenas um maestro, que gosta de uma bela sinfonia.

Que nem as sinfonias que ele compôs em Salto, depois em Montevidéu, passando por São Paulo, depois, Curitiba e terminando sua obra como jogador em São Paulo novamente.

“El Verdugo” não era de desistir de jogadas, mas era habilidoso; sua cabeçada era como uma bala de canhão; seu chute de longa distância, era como uma lança, que acertava o alvo. És eternamente lembrado, por tudo que fez, em sua grande carreira.

Bem que dizia Pelé (não o Édson): “Pedro Rocha é um dos cinco melhores jogadores do mundo”.

Ao menos nessa afirmação, o Rei pode dizer que acertou.

—————————————————————————————————————————————————————

Assim, o blog “Arte do Futebol” homenageia Pedro Rocha, e torce para que ele possa se recuperar de todos esses problemas que ele está passando. Vamos torcer também para que as três chamas que ele acendeu: a da garra, a do poder de decisão e principalmente, a da habilidade, demorem a se apagar.

Pode ter certeza que isso não irá se apagar tão cedo.

*Agradecimento ao jornalista Fernando Sampaio, da Rádio Jovem Pan São Paulo, pela sugestão.

Arte do Futebol. Um blog futebolisticamente artístico.
Próximo Texto: Depende…Quem escolhe é quem lê. Vale todo tipo de pessoa, desde que:
– Não seja nem Pelé, nem Maradona, nem Zico, pois todo mundo escreve sobre eles;
– Seja ligada ao futebol (Árbitro, Treinador, Jogador)
– Não pode estar jogando atualmente, portanto sem Rogério Ceni, Marcos, Adriano, Petkovic, Ronaldo e por aí vai…

Feliz 2010 para todos!

Anúncios

5 comentários sobre “Pedro Rocha: “El Verdugo”, eterno líder do futebol mundial

  1. Ahhh massa a historia do estrangeiro Pedro que se fez aparecer , tomara q váriias pessoas descubram a historia dele.
    beeeijoos

  2. é bonito ler historias que quasi ninguem conta e de um jeito que poucos podem… obrigado amigo!! parabens pelo blog!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s